Angola | Defende Transformação Do Potencial Económico Da CPLP Em Riqueza Real

Angola | Defende Transformação Do Potencial Económico Da CPLP Em Riqueza Real

0 0
Read Time:4 Minute, 37 Second

Siga-nos no Telegram | https://t.me/stesspt

O Ministro da Economia e Planeamento (MEP), Mário Caetano João, advogou, hoje, em Luanda, a necessidade de os membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) transformarem o potencial económico, industrial, agro-pecuário, pesqueiro e turístico existente, em riqueza real.


Luanda, Angola | O Ministro da Economia e Planeamento (MEP), Mário Caetano João, advogou, hoje, em Luanda, a necessidade de os membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) transformarem o potencial económico, industrial, agro-pecuário, pesqueiro e turístico existente, em riqueza real.

Ao discursar na abertura da I Reunião Conjunta de Ministros da Economia, Comércio e Finanças sobre os desafios e prioridades da cooperação económica da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), disse que os países membros podem ser força económica relevante a nível mundial se trabalharem bem e em conjunto.

Na ocasião, o ministro angolano da economia, destacou o facto de ser uma comunidade que ocupa uma área terrestre total estimada em mais de 10,7 milhões de km2 e que possui aproximadamente 300 milhões de habitantes, uma riqueza global medida pelo Produto Interno Bruto (PIB) de ccerca de 1,8 biliões de dólares.

Citou as previsões do Fundo Monetário Internacional (FMI), em que o PIB destas economias deverá crescer substancialmente em 2022, podendo o PIB nominal da comunidade atingir 2 biliões de dólares, tornando-se na 10ª maior economia do mundo.

Deste modo, continuou, “acreditamos que com a institucionalização do pilar sobre cooperação económica como um dos objectivos gerais e estatutários da CPLP, daremos um novo e importante conteúdo dos objectivos de desenvolvimento socioeconómico e sustentável dos países da nossa organização”.

Mário Caetano João diz que o que anima o país para estar engajado na implementação e consolidação do escolhido pilar sobre a cooperação económica e na definição de uma agenda estratégica para o pilar do quinquênio 2022 a 2027 que tem a ver com efeito positivo que a Angola registou, ao iniciar em 2018 um amplo programa de reformas económicas e financeiras.

Segundo o ministro, as reformas visam a construção de uma economia de mercado dinámica e eficiente com as finanças públicas controladas e sustentáveis, criando as condições para um crescimento em bases mais sustentadas, permitindo igualmente o aumento de empregos e melhoria do bem-estar das populações.

Acrescentou que essas reformas macroeconómicas criaram condições para Angola sair da situação recessiva em que se encontrava desde 2016, invertendo esta tendência e retomado a trajectória de crescimento do PIB em 2021.

Mário Caetano João

Mário Caetano João realçou que as previsões para 2022 apontam para um crescimento económico de 2,7%, um desempenho liderado, fundamentalmente, pelo sector não petrolífero, que já contribui com perto de 72% do PIB de Angola, quando comparado com 57% em 2011.

De acordo com o Mário Caetano João, com este exercício de diversificação da sua economia, Angola, ciente do potencial económico dos Estados-membros da CPLP, acredita que a cooperação económica que pretende construir, impulsionará a transferência e a partilha do conhecimento nos diversos sectores da actividade económica, estabelecerá mecanismos de cooperação nas mais diversas áreas, proporcionará maior aproximação entre os seus actores e os seus respectivos países, agregando benefícios concretos e sustentáveis.

Entretanto, destacou a criação de mais empregos e melhoria do rácio dos Estados-membros no contexto económico.

Mário Caetano João disse estar convicto que a eleição do pilar sobre a cooperação económica contribuirá para a realização de políticas sociais e macroeconómicas direcionadas à equidade de género, empoderamento da mulher, maior intervenção da juventude no espaço intracomunitário, através do intercambio político-cultural, bem como a partilha de boas práticas de cooperação vantajosa para as partes.

“…Vamos contribuir para que a agenda estratégica da cooperação económica na CPLP no quinquénio 2022-2027, em abordagem nesta reunião, para que esse grupo se afirme como um espaço dinâmico, promotor de quadros legais e regulamentares convergentes, de fluxos de negócios, investimentos e trocas comerciais”, desejou.

Por outro lado, lembrou que o Presidente da República de Angola, João Lourenço, no discurso de encerramento da 13ª Cimeira de Chefes de Estado e de Governos, realizada em Julho de 2021, no âmbito da busca de mecanismos de financiamento, se começasse a pensar na pertinência e viabilidade, ainda que remota, da criação de um banco de Investimento da CPLP.

“Temos a certeza de que com instituições financeiras do género, seja impulsionada e potenciada a actividade das micro, pequenas e médias empresas no seio da comunidade e a necessidade de os Estados membros continuarem a implementar reformas económicas necessárias”, assim continuou.

Este encontro de trabalho de ministros dos sectores da Economia, Comércio e Finanças, resulta do novo pilar da CPLP, voltado para a cooperação económica, adoptado na Cimeira de Luanda, em 2021, na qual Angola assumiu a presidência rotativa da organização.

Esta reunião acontece depois do XXVI Conselho de Ministros da CPLP, que ocorreu em Julho de 2021, em Luanda, precedendo a XIII Conferência de Chefes de Estado e de Governo, onde se decidiu criar um novo objectivo geral da CPLP, denominado “Cooperação económica”.

Na altura, o Conselho de Ministros encorajou ainda os ministros responsáveis pelas áreas do Comércio, da Economia e das Finanças dos Estados-Membros a realizarem uma reunião conjunta, até Julho de 2022, com vista à definição de uma estratégia integrada para a cooperação económica na CPLP.

Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé Príncipe e Timor-Leste são os Estados-membros da CPLP.

Quer nos enviar seus vídeos ou fotos ou até mesmo furos? Contacte-nos através do email [email protected]

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

About Post Author

What Do You Think?

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: