Equipe Especial Francesa Esta Na Ucrânia Para Investigar “Crimes De Guerra”

Polícia Francesa Esta Na Ucrânia Para Investigar “Crimes De Guerra

0 0
Read Time:1 Minute, 54 Second

Informação revelada pelo embaixador Francês Em Ucrânia.

Lviv | A Polícia Militar Francesa [também conhecida como a Gendarmerie] chegou na cidade de Lviv, no Oeste da Ucrânia, para ajudar as autoridades “nas investigações de crimes de guerra cometidos em Kiev“, anunciou hoje (11) o embaixador Francês no país.

É a primeira “unidade estrangeira a fornecer essa ajuda, disse Etienne de Poncins, em mensagem no Twitter publicado em Francês e Ucranio.

“Orgulhoso em receber em Lviv o destacamento de polícia técnica e científica que veio ajudar nas investigações de crimes de guerra cometidos em Kiev”, declarou o embaixador. A equipe estará trabalhando amanhã, terça-feira.

“Equipe técnica do Ministério do Interior, responsável por fornecer sua experiência em termos de identificação e coleta de provas às autoridades ucranianas, chegou nesta segunda-feira ao país”, informaram, em comunicado conjunto, os ministérios do Interior, da Justiça e dos Negócios Estrangeiros da França.

De acordo com as autoridades ucranianas, eles também poderão contribuir para a investigação do Tribunal Penal Internacional (TPI).

Os policiais são especialistas em cena de crime e identificação de vítimas, explicaram os ministérios franceses.

Acompanham também a equipe dois médicos forenses, que “poderão montar uma cadeia para examinar e identificar corpos”.

Na sexta-feira (8), o presidente francês, Emmanuel Macron, disse que seu país estava reunindo provas contra “crimes de guerra russos” na Ucrânia.

Na ocasião, Macron anunciou o envio de policiais militares e de magistrados franceses para a Ucrânia.

A guerra começou em 24 de fevereiro, quando Moscou invadiu a Ucrânia após ter concentrado dezenas de milhares de tropas no lado russo da fronteira com o país vizinho, bem como do lado da Bielorrússia, país aliado de Moscou.

Desde então, os combates mataram milhares de civis e militares – de acordo com balanço ainda a ser confirmado – e destruíram várias cidades e infraestrutura na Ucrânia. Mais 11 milhões de pessoas fugiram de suas casas, incluindo 4,5 milhões para países vizinhos.

A comunidade internacional reagiu à invasão da Ucrânia com sanções económicas e políticas contra a Rússia e o fornecimento de armas e de apoio humanitário às autoridades de Kiev.

Quer nos enviar seus vídeos ou fotos ou até mesmo furos? Contacte-nos através do email [email protected]

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

What Do You Think?

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: